Buscar
  • Ramiro Rosário

Obras vão beneficiar 180 mil moradores de 14 bairros da Capital


Uma obra de drenagem que vai beneficiar cerca de 180 mil moradores de 14 bairros das zonas norte e noroeste de Porto Alegre foi destravada em Brasília. A confirmação foi feita ao prefeito Nelson Marchezan Júnior, nesta terça-feira, 22, pelo ministro das Cidades, Bruno Araújo. Na sexta-feira, 25, Araújo estará em Porto Alegre para assinar a autorização de início dos projetos e execução de obras da Bacia Hidrográfica do Arroio Areia. Com recursos a fundo perdido do governo federal, serão investidas verbas na ordem de R$ 100 milhões para projetos e obras de implantação de sete mil metros de galerias pluviais, ampliando o sistema de macrodrenagem e evitando os constantes alagamentos existentes na região. “São recursos importantes, porque são a fundo perdido, são recursos do Tesouro Nacional, e são para enfrentar uma situação constrangedora para os habitantes desses 14 bairros que sofrem com os alagamentos”, disse o prefeito. Também está prevista a construção de sete bacias de amortecimentos de cheias (grandes reservatórios que contém a água da chuva, evitando alagamentos) e a reforma e ampliação da casa de bombas Sílvio Brum, localizada na avenida Sertório (foto). Atualmente, esta casa de bombas funciona com menos da metade de sua capacidade e apresenta problemas nas comportas (em caso de elevação do Guaíba, ocorre retorno de água por vazamentos) com riscos de acidentes. As obras ajudarão a eliminar pontos históricos de alagamentos em Porto Alegre, como na Nilo Peçanha com Teixeira Mendes e nas proximidades da Avenida Sertório. “Temos assistido ao longo do tempo o grande dano que alagamentos provocam nessas regiões. Os recursos necessários estão garantidos e podemos avançar bastante nessa obra”, diz o ministro Bruno Araújo. A obra vai atender 14 bairros: Boa Vista, Chácara das Pedras, Cristo Redentor, Higienópolis, Jardim São Pedro, Jardim Floresta, Jardim Carvalho, Passo D’Areia, Santa Maria Goretti, São João, Três Figueiras, Vila Ipiranga, Bom Jesus e Vila Jardim. Ruas e avenidas que receberão intervenções: Ruas Ibirapuitã, Marechal José Inácio da Silva, Cel. Feijó, Sapé, Roque Callage e avenidas do Forte, Sertório, Plínio Brasil Milano, Carneiro da Fontoura, Visconde de Pelotas, Anita Garibaldi, General Emílio Lúcio Esteves, Teixeira Mendes, Nilo Peçanha e Assis Brasil. As praças onde serão feitas as bacias de contenção: 1 - Praça Lopes Trovão – capacidade de armazenamento de 4.860m³. 2 - Praça Luis Blessman – capacidade de armazenamento de 7.020m³. 3 - Country Club – capacidade de armazenamento de 26.000m³. 4 - Praça Irani Bertelli – capacidade de armazenamento de 4.600m³. 5 - Praça Fortunato Pimentel – capacidade de armazenamento de 8.190m³. 6 - Reservatório rua Mal. Simeão - capacidade de armazenamento de 3.400m³. 7 - Reservatório rua Gal. Couto De Magalhães – capacidade de armazenamento de 3.360m³.

Fonte: Site da Prefeitura de Porto Alegre

#serviçosurbanos #ServiçosUrbanos #Alagamentos

0 visualização
Logo-Ramiro.png

© 2017

  • Facebook - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza
  • YouTube - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo