Buscar
  • Ramiro Rosário

Bairro Santa Rosa de Lima terá Bota-Fora especial na sexta-feira


O bairro Santa Rosa de Lima recebe nesta sexta-feira, 12, uma edição especial do projeto Bota-Fora. A ação ocorre em função da confirmação de casos de dengue e continuidade do ciclo de transmissão viral no bairro, localizado na zona Norte da cidade. Nesta semana, o Bota-Fora atende 13 localidades buscando facilitar o descarte correto de materiais que não são recolhidos pelas coletas do Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU). Nesta quarta-feira, 10, a ação será realizada nas comunidades Arado Velho (bairro Belém Novo), Liberdade (bairro Farrapos) e Vicente Monteggia (bairro Vila Nova).

O serviço na localidade, promovido pela Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (SMSUrb) por meio Departamento, tem o intuito de colaborar para interromper ou diminuir a transmissão viral na região. Segundo o balanço semanal divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Porto Alegre tem 41 casos de dengue confirmados. Destes, 36 são autóctones (contraídos na cidade) e cinco importados. Todos os casos autóctones estão concentrados no bairro Santa Rosa de Lima. Mais informações podem ser obtidas no site da SMS.

O diretor da Coordenadoria Geral de Vigilância em Saúde, Anderson de Lima, destaca a importância da realização de serviços integrados na prefeitura. “O cuidado com o ambiente é essencial para eliminação dos criadouros de mosquitos. A medida contribui para evitar a proliferação de doenças e precisamos da colaboração da comunidade para diminuir a cada dia o risco de transmissão da dengue no bairro ”, afirma.

Conforme a gerente distrital de Saúde da Região Norte-Eixo Baltazar, Bárbara Cristina de Azevedo Lima, cerca de 1,2 mil imóveis comerciais e residenciais foram visitados por agentes de combate a endemias e agentes comunitários de saúde, com supervisão da enfermeira Marilene Lopes Vieira, assessora distrital da região. “O objetivo foi identificar e eliminar criadouros de mosquito Aedes aegypti e fazer busca ativa de casos sintomáticos não notificados”, explica Bárbara.

Além do Bota-Fora extraordinário, o DMLU realizou durante o último mês 13 vistorias no bairro para fiscalizar a disposição irregular de resíduos, que poderia acarretar no surgimento de focos. O Departamento também atuou com ações preventivas por meio da equipe de educação ambiental, como plantios para revitalização de focos de lixo e capacitações em escolas.

O diretor-geral do DMLU, René Machado de Souza, explica que materiais descartados irregularmente favorecem a proliferação de mosquitos: “Quando os resíduos ficam expostos nas ruas, são gerados de focos de lixo e, com a chuva, a água parada acumula nestes pontos, tornando-os propícios para a fêmea do Aedes aegypti depositar seus ovos. Por isso, esse Bota-Fora diferenciado é mais uma medida que adotamos para preservar a saúde pública”.

A atividade poderá ser prorrogada até sábado, 13, de acordo com a quantidade de matérias dispostos. O perímetro atendido a partir desta sexta-feira fica entre as avenidas Bernardino Silveira Amorim, Bernardino Silveira Pastoriza e as ruas Alba García de Oliveira com Santa Rosa de Lima. A recomendação aos moradores da região é que os materiais sejam disponibilizados em frente às residências na noite anterior, ou até as 7h30 do dia do serviço. Podem ser dispostos eletrodomésticos, móveis quebrados, colchões, restos de obras, dentre outros objetos volumosos.

“Esta ação tem por objetivo direcionar os esforços do trabalho, que já é realizado diariamente pela prefeitura, com o Bota-Fora, em auxílio à Secretaria da Saúde no combate aos possíveis focos de dengue”, diz o secretário municipal de Serviços Urbanos, Ramiro Rosário.

Para combater a criação de novos focos de lixo, é fundamental que a comunidade colabore, dispondo seus materiais de forma adequada. Além dos serviços de coleta, a população também pode descartar os resíduos diretamente em uma das Unidades de Destino Certo (UDC) do DMLU. Para mais informações sobre as UDCs, clique aqui. Outra opção é utilizar os serviços de coletas pagas que podem ser contratados pelo telefone 156.

Fonte: Site da Prefeitura de Porto Alegre

Texto de: Laura Maria (estagiária) / Supervisão: Andiara Silva

Foto: Luciano Lanes / PMPA

#SMSURB #DMLU #botafora

3 visualizações
Logo-Ramiro.png

Eleição 2020 Ramiro Stallbaum Rosário Vereador

CNPJ: 38.953.533/0001-60

  • Facebook - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza
  • YouTube - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo