Ramiro vai destinar R$ 150 mil para instalação de câmeras de monitoramento no 4º Distrito

Recurso virá das emendas impositivas reservadas aos parlamentares para indicação ao Executivo

Ramiro Rosário em seu gabinete reunido com o secretário de segurança Mário Ikeda.
Ramiro Rosário reunido com o secretário municipal da Segurança, coronel Mário Ikeda, seu adjunto, Gelson Guarda, e o empresário Carlos Kolesny

O 4º Distrito de Porto Alegre ganhará mais câmeras de segurança. O reforço no monitoramento eletrônico da região foi tratado em reunião entre o vereador Ramiro Rosário (PSDB) e o secretário municipal da Segurança, coronel Mário Ikeda, e seu adjunto, Gelson Guarda, e o empresário Carlos Kolesny, um dos ativistas mais atuantes do 4D, que compreende os bairros Floresta, São Geraldo, Navegantes, Farrapos e Humaitá. Ramiro garantiu a destinação de emenda impositiva no valor de R$ 150 mil para a aquisição de pelo menos três câmeras ao 4º Distrito. A escolha dos locais será feita com a participação da comunidade, por meio do preenchimento de um formulário no site do vereador (www.ramirorosario.com.br/monitoramento4d). “Quem mais sofre com a falta de segurança na região são os empresários e os moradores. Então, é justo que eles possam opinar sobre os locais que necessitam deste tipo de monitoramento”, explica Ramiro. “Mais do que discursos, o que o 4º Distrito precisa é de ação”, completa o vereador. O secretário Ikeda afirma que o reforço no monitoramento do 4º Distrito colabora com o combate à criminalidade na região. COMO SERÁ FEITA A ESCOLHA DOS LOCAIS: 1. Moradores e frequentadores da região irão indicar os locais críticos de segurança na região, por meio do formulário disponível no link www.ramirorosario.com.br/monitoramento4d. 2. Os 10 locais com mais indicações serão levados para votação popular, sendo que os 3 mais votados receberão a indicação do vereador Ramiro Rosário para receber as câmeras de monitoramento através das emendas impositivas.


Texto: Orestes de Andrade Jr. (reg. prof. 10.241)

3 visualizações0 comentário