Ramiro pede ações efetivas da Prefeitura após temporal

Vereador abriu mais de 50 processos à Prefeitura cobrando informações, avaliação dos problemas enfrentados e resolução dos problemas gerados pelos fortes chuvas de domingo e segunda

Bairro Farrapos, na zona norte de Porto Alegre, sofreu com o temporal de domingo

O vereador Ramiro Rosário (PSDB) encaminhou 9 Pedidos de Informação (PI) e 43 Pedidos de Providência (PP) à Prefeitura de Porto Alegre nesta terça-feira, 18, após as fortes chuvas registradas no domingo, 16, e na segunda-feira, 17, na Capital. A zona norte foi a mais afetada na cidade pelos alagamentos, quedas de árvores e danos nas vias públicas. “Todos os processos encaminhados à Prefeitura cobram respostas e ações efetivas no combate aos alagamentos e demais efeitos dos temporais”, afirmou o vereador. Ramiro também circulou, nesta terça, pelos bairros atingidos pela chuvarada dos últimos dois dias. “Fiz isso em ato de respeito e solidariedade a moradores e comerciantes que tiveram prejuízos em suas casas e empresas”, comentou o vereador em vídeo publicado nas suas redes sociais.

Entre os processos administrativos, destaque para o cronograma das 26 obras de macrodrenagem encaminhadas e contratadas no governo anterior. Ramiro também pediu informações sobre as possíveis interferências das obras feitas pela Fraport no regime das águas da bacia do Arroio Areia. O vereador solicitou detalhes sobre a operação de todas as Casas de Bombas. “É preciso saber quais funcionaram, quais falharam, se os operários estavam a postos no horário dos temporais, por isso pedi a comprovação via ponto biométrico”, disse. A respeito da falta de energia nas Casas de Bombas, Ramiro quer saber se há geradores. “Se há, porque não funcionaram. E se não há, qual é o motivo?”, perguntou. Também foi enviado questionamento sobre o histórico desassoreamento de galerias desde 2016 até o momento, incluindo não apenas serviços, mas também contratações, licitações e planos do DMAE para 2022. Ramiro quer saber os motivos dos alagamentos, com laudo técnico do engenheiro responsável para as seguintes vias: Álvaro Chaves, Rua do Parque, Avenida Berlim, Adelino Ferreira Jardim, entre outras. Sobre as obras de combate aos alagamentos, Ramiro pediu o cronograma atualizado de drenagem, da dragagem dos arroios e a razão do atraso nas obras da Casa de Bombas nº 5 e Casa de Bombas da Vila Farrapos. Esta intervenção importante, iniciada na gestão anterior, foi paralisada por mais seis meses no ano passado em razão de um alegado imbróglio jurídico. O vereador cobrou o prefeito sobre isso no início de dezembro e até agora não recebeu resposta oficial. Ramiro fez pedidos de providência para a limpeza nas ruas no pós-temporal em mais de 50 pontos da Capital. “Esse é um trabalho imediato que deve ser feito o mais rápido possível, retirando o lixo e a lama nas ruas que sofreram com os alagamentos”, explicou.


Texto: Orestes de Andrade Jr. (reg. prof. 10.241)

5 visualizações0 comentário