Buscar
  • Ramiro Rosário

Praça Luís Francisco Guerra Blesmann recebe obras de urbanização


A Praça Luís Francisco Guerra Blesmann, localizada entre as ruas João Paetzel e Felipe Becker, no bairro Três Figueiras, está recebendo obras de urbanização. A área de lazer contará com novos equipamentos de convivência e lixeiras. A praça vai ter playground com brinquedos infantis, quadra poliesportiva, academia ao ar livre e piso tátil, garantindo a acessibilidade do local. As melhorias fazem parte da obra do R2, uma das 26 intervenções que compõem a Macrodrenagem do Arroio Areia e são realizadas após a conclusão da execução de um reservatório de drenagem com capacidade de 7.678,22 m3, já em operação.

Entre os serviços contemplados na obra estão passeio externo em concreto armado com piso podotátil, passeios internos com concreto armado, recanto infantil em saibro rosa, gangorra tripla, escorregador, caixa de areia, vai e vem, balanço misto, estruturas de brinquedos trepa-trepa em "S" e com escada. A quadra poliesportiva terá pavimento em concreto armado. Já a academia de ginástica ao ar livre contará com equipamento para alongamento, área com mesas para o Jogo de Damas, bancos, taludes e canteiros gramados.

Reservatório R2 - Praça Francisco Guerra Blessmann – A obra está 90,92% executada, com a parte de drenagem concluída e o reservatório em funcionamento, restando finalizar a urbanização da praça. O custo total da obra e do projeto é de R$ 6.254.836,86. O R2 é uma estrutura de drenagem que auxilia para minimizar os alagamentos na região. O reservatório cumpre a função de receber a água da chuva coletada pelos bueiros das ruas por meio de tubulações. Depois disso, a água armazenada no local, por meio de outras tubulações, irá escoar lentamente até o rio Gravataí, deixando de ficar acumulada em ruas e avenidas.

Obras de Macrodrenagem do Arroio Areia - As obras de ampliação do sistema de macrodrenagem do Arroio Areia têm por objetivo amenizar alagamentos e acúmulos de água nas regiões. Englobam 26 intervenções, o maior conjunto de obras de drenagem da história recente de Porto Alegre, e têm investimento da União de R$ 107,2 milhões. Os recursos, a fundo perdido, são provenientes do Plano Nacional de Gestão de Risco e Resposta a Desastres Naturais, o chamado PAC Prevenção, e têm uma contrapartida financeira de R$ 1,3 milhão da prefeitura.

Iniciadas em junho de 2018, possuem atualmente quatro obras em andamento: os reservatórios R1 - Praça Lopes Trovão (com capacidade de 6.852,38 m³) e R2 - Praça Francisco Guerra Blessman (com capacidade de 7.678,22 m³) e as obras lineares F1 - da Plínio Brasil Milano, seguindo pela rua Cacequi e rua Veranópolis até proximidades da viela Santo André, e C1 – da rua Anita Garibaldi, entre as ruas Azevedo Sodré, Libero Badaró e Desembargador J. B. de Medeiros.

Fonte: Site da Prefeitura de Porto Alegre

Foto: Sérgio Louruz/SMAMS PMPA Texto de: Ari Teixeira e Isabel Lermen

#drenagem #drenagemurbana #obras #Praças

0 visualização
Logo-Ramiro.png

© 2017

  • Facebook - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza
  • YouTube - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo