Buscar
  • Ramiro Rosário

Autorizado início das obras que reduzirão alagamentos na Capital


O prefeito Nelson Marchezan Júnior e o ministro das Cidades, Bruno Araújo, assinaram nesta sexta-feira, 25, o termo de autorização de início dos projetos e execução de obras da Bacia Hidrográfica do Arroio Areia, na casa de bombas Silvio Brum. As obras, já licitadas, beneficiarão cerca de 180 mil pessoas residentes de 14 bairros, cerca de 12% da população de Porto Alegre. Os moradores sofrem com os transtornos causados pelos alagamentos constantes nas regiões norte e noroeste da capital. Os investimentos na ordem de R$ 100 milhões, a fundo perdido do Governo Federal, foram destravados pelo prefeito nesta semana, em viagem a Brasília. Também partciparam do ato o ministro chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha e o ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra.

Marchezan Júnior lembrou que o ministro Bruno Araújo está em Porto Alegre pela segunda vez em menos de dois meses para anunciar obras importantes. “Agradeço a decisão tomada pelo Governo Federal de escolher a cidade como prioridade para investimentos deste porte, devido a necessidade dos porto-alegrenses”, disse o prefeito, ao lembrar que as notícias anunciadas pela atual gestão sempre estão acompanhadas por um fato real. “Isso aqui não é exclusivamente um ato político. Estas obras já licitadas iniciarão, na pior das hipóteses, no início do ano que vem”, disse.

O ministro Bruno Araújo afirmou que o prazo de conclusão do projeto será de 52 meses. Araújo anunciou durante o evento que o Rio Grande do Sul está entre os primeiros estados que serão beneficiados com o Cartão Reforma. O programa do Ministério das Cidades destinará recursos para famílias de baixa renda para compra de materiais de construção e poderá conceder às prefeituras verba para contratação de técnicos que orientarão os beneficiados.

Obras - Entre as obras estão a implantação de sete mil metros de galerias pluviais que ampliarão o sistema de macrodrenagem. Previstas, ainda, a construção de sete bacias de amortecimento de cheias (grandes reservatórios que contém a água da chuva) e a reforma e ampliação da casa de bombas Silvio Brum. Hoje, a casa de bombas funciona com menos da metade de sua capacidade e apresenta problemas nas comportas. Os bairros beneficiados são Boa Vista, Chácara das Pedras, Cristo Redentor, Higienópolis, Jardim São Pedro, Jardim Floresta, Jardim Carvalho, Passo D’Areia, Santa Maria Goretti, São João, Três Figueiras, Vila Ipiranga, Bom Jesus e Vila Jardim.

Meio Ambiente - A secretária estadual do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Ana Pellini, que representou o governador José Ivo Sartori, ressaltou a importância de obras como as que serão realizadas, em época de mudanças climáticas. “Tenho a certeza que a conclusão destas ações vai melhorar, e muito, a qualidade de vida dos porto-alegrenses”, disse.

A solenidade contou ainda com as presenças da senadora Ana Amélia Lemos, dos deputados federais Darcísio Perondi e Yeda Crusius, de secretários estaduais, municipais e vereadores de Porto Alegre.

Fonte: Site da Prefeitura de Porto Alegre

#Alagamentos #PortoAlegre #Drenagem

0 visualização
Logo-Ramiro.png

© 2017

  • Facebook - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza
  • YouTube - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo